Translate

quinta-feira, 22 de setembro de 2022

MINHA POESIA:

VERBO 'RENOVAR': 

A primavera desperta, no desabrochar.

As folhas vão-se agora, ressequidas;

pinceladas em nuances enverdecidas.


O tempo conjuga o verbo 'renovar'.

Nas trepadeiras, desiguais treliças;

o broto revela-se e se espreguiça.


O vento brando sopra, a sussurrar.

Na natureza, florescer de costume,

quando dota as cores de perfume.


Flor: casa que a beleza escolheu morar.

Estamos na primavera e seus sabores;

chegou o tempo de ouvir as flores.


-------------------------------------------------
AUTOR: Paulo Cesar Paschoalini
(Protegido por Lei de Direitos Autorais, 9.610/98)
-------------------------------------------------
 < CURRÍCULO LITERÁRIO E PREMIAÇÕES > 

ACESSE TAMBÉM ATRAVÉS DOS LINKS: 
- INSTAGRAM: @pirafraseando ;
- INSTAGRAM, 3 IDIOMAS: @pc.paschoalini ; 
- TWITTER: @PaschoaliniPc ;
- PENSADOR UOL: pensador.uol/Paulo_cesar_paschoalini ;
- RECANTODAS LETRAS: recantodasletras/Pirafraseando . 

____________________________________ 

terça-feira, 13 de setembro de 2022

MINHA POESIA:

Trilhos do tempo: 


Lá vai o tempo feito  um trem deslizando 
pelos trilhos infinitos do destino.
Antigamente vinha devagar, passadas lentas,
e entre uma estação e outra era possível
ver a beleza em cada uma delas.
Pela janela dava tempo de ver a paisagem,
que nos acenava durante toda a travessia.

O trem caminhava vagarosamente,
deixando um rastro de fumaça
como sinal de sua passagem.
Uma boa parte dessa fumaça
foi dissipada pelo vento do esquecimento;
a outra parte transformou-se em nuvens,
que se espalham pelo horizonte da lembrança.

Hoje, o tempo é um trem
que passa depressa demais.
De uma estação a outra é um ‘flash’.
Recolhe e despeja passageiros
numa velocidade tamanha,
que nem sequer nos damos conta
de quem nos acompanha na viagem.

Não têm traços de fumaça,
muito menos espaço para lembranças.
Tudo acontece muito rapidamente.
Os trens modernos são chamados de ‘trem bala’,
pois passam como se fossem um disparo.
Feito um disparo de uma bala,
que muitas vezes fere e outras vezes mata!

-------------------------------------------------
AUTOR: Paulo Cesar Paschoalini
(Protegido por Lei de Direitos Autorais, 9.610/98)
-------------------------------------------------
 < CURRÍCULO LITERÁRIO E PREMIAÇÕES > 

ACESSE TAMBÉM ATRAVÉS DOS LINKS: 
- INSTAGRAM: @pirafraseando ;
- INSTAGRAM, 3 IDIOMAS: @pc.paschoalini ; 
- TWITTER: @PaschoaliniPc ;
- PENSADOR UOL: pensador.uol/Paulo_cesar_paschoalini ;
- RECANTODAS LETRAS: recantodasletras/Pirafraseando . 
____________________________________

sábado, 3 de setembro de 2022

MINHA POESIA:

CINZA: 


A tarde estava tão cinza de quietude, 

naquele vazio e exato momento, 

que até uma brisa, em tom de virtude,

faria colorir qualquer movimento. 

-

-------------------------------------------------
AUTOR: Paulo Cesar Paschoalini
(Protegido por Lei de Direitos Autorais, 9.610/98)
-------------------------------------------------
 < CURRÍCULO LITERÁRIO E PREMIAÇÕES > 

ACESSE TAMBÉM ATRAVÉS DOS LINKS: 
- INSTAGRAM: @pirafraseando ;
- INSTAGRAM, 3 IDIOMAS: @pc.paschoalini ; 
- TWITTER: @PaschoaliniPc ;
- PENSADOR UOL: pensador.uol/Paulo_cesar_paschoalini ;
- RECANTODAS LETRAS: recantodasletras/Pirafraseando . 

____________________________________  

sexta-feira, 2 de setembro de 2022

MINHA MÚSICA:


Música: "CORAÇÃO DIVIDIDO"

Logo agora que eu estava convencido
De que eu tinha te esquecido
Você chega e insiste em me olhar
Como quem quer voltar

Eu sei como eu fui feliz em ter você
Também sei o quanto sofri por te perder.

Já não quero ter de volta a incerteza
Se eu serei correspondido
Nem o medo que você vá embora
Numa hora qualquer

Porém meu desejo me diz 'te quero amar'
Pois quando se trata de amor vale a pena apostar.

( REFRÃO )
Viver um dilema me faz sofrer demais
De dia me tira a calma de noite a paz
Dividido entre a voz da razão e a emoção
Eu sinto que quem vai perder é o meu coração.

Logo agora que eu estava convencido...

-------------------------------------------------------------------
COMPOSITORES: (Alex, Zé Roberto e Paulo) Paschoalini
Registro nº: 124.498, em 04.02.1997 - EDA / FBN.
-------------------------------------------------------------------

Ritmo latino: 

Trata-se de um bolero, com levada romântica e envolvente, de grande aceitação de diversos públicos, cuja origem é ainda controversa. Alguns acreditam que surgiu na Espanha, no século X, enquanto outros afirmam que nasceu em Santiago, Cuba, entre 1883 e 1885. Mais tarde teria chegado ao México, onde se popularizou e se espalhou por toda a América Latina (fonte: culturaespanhola.com.br). 

Esta música foi feita há mais de vinte anos (final dos anos 1990), em parceria com meus irmãos Alex e José Roberto. Foi uma época em que nos dedicamos a composições musicais, com o objetivo de que alguma(s) dela(s) fosse(m) gravada(s) por algum artista... E ainda temos essa esperança!

O Zé Roberto é músico profissional, inscrito na "Ordem dos Músicos do Brasil". Muito embora tenha trabalhado principalmente em serviços burocráticos, sempre atuou em diversos eventos musicais em Piracicaba e Região, especialmente àqueles voltados à entidades beneficentes. É dele a criação musical, o arranjo e a segunda voz. Também é responsável pelos diversos detalhes da gravação, que, apesar de ter sido feita em "home studio", reúne qualidade para ser ouvida e avaliada.

O Alex é professor universitário, escritor de dois livros, que estão disponíveis no site "estantevirtual.com.br". Também escreveu um terceiro livro, intitulado "Diário de um coveiro", aguardando patrocínio/parceria para publicação. Gosta também de tocar violão, contribuindo com a parte musical, além de participação nas letras desta de outras composições.

------------------------------------------------
TEXTOPaulo Cesar Paschoalini
------------------------------------------------
 < CURRÍCULO LITERÁRIO E PREMIAÇÕES > 
COMENTÁRIO: O texto/música foi publicado no blog da "Revista Vicejar" em 24.07.2021, onde o escritor possui vários textos de sua autoria, atuando como Colaborador. Para ler mais acesse:
BLOG DA REVISTA VICEJAR: http://revistavicejar.blogspot.com/
LINK DO TEXTO:
______________________________________

terça-feira, 23 de agosto de 2022

MINHA POESIA:

LAPIDANDO: 


Quando uma pessoa nos fere,

provoca dores, nos machucando.

Mas como lição, se prefere,

diria que está nos lapidando.

-
-------------------------------------------------
AUTOR: Paulo Cesar Paschoalini
(Protegido por Lei de Direitos Autorais, 9.610/98)
-------------------------------------------------
 < CURRÍCULO LITERÁRIO E PREMIAÇÕES > 

ACESSE TAMBÉM ATRAVÉS DOS LINKS: 
- INSTAGRAM: @pirafraseando ;
- INSTAGRAM, 3 IDIOMAS: @pc.paschoalini ; 
- TWITTER: @PaschoaliniPc ;
- PENSADOR UOL: pensador.uol/Paulo_cesar_paschoalini ;
- RECANTODAS LETRAS: recantodasletras/Pirafraseando . 

____________________________________  

domingo, 14 de agosto de 2022

MINHA POESIA:

PAI E FILHO(A): 


Cuidar de um filho é maravilhoso! 

É dedicar o nosso tempo precioso 

a fim de zelar pela integridade 

da nossa mais sensível metade. 

-------------------------------------------------

AUTOR: Paulo Cesar Paschoalini
(Protegido por Lei de Direitos Autorais, 9.610/98)
-------------------------------------------------
 < CURRÍCULO LITERÁRIO E PREMIAÇÕES > 

ACESSE TAMBÉM ATRAVÉS DOS LINKS: 
- INSTAGRAM: @pirafraseando ;
- INSTAGRAM, 3 IDIOMAS: @pc.paschoalini ; 
- TWITTER: @PaschoaliniPc ;
- PENSADOR UOL: pensador.uol/Paulo_cesar_paschoalini ;
- RECANTODAS LETRAS: recantodasletras/Pirafraseando . 

____________________________________  

terça-feira, 9 de agosto de 2022

MINHA POESIA:

CONJUGAÇÃO A DOIS: 

Quem oferece pouco

e espera pouco do amor,

sempre terá ‘pouco’,

mas nunca amor.

O amor não permanece

onde se vê insuficiente.


O amor somente existe

no extrapolar de conteúdos,

quando não se cabe em si.

Onde é possível plenitude,

na conjugação a dois

do verbo transbordar.


-------------------------------------------------
AUTOR: Paulo Cesar Paschoalini
(Protegido por Lei de Direitos Autorais, 9.610/98)
-------------------------------------------------
ACESSE TAMBÉM ATRAVÉS DOS LINKS: 
- INSTAGRAM: @pirafraseando ;
- INSTAGRAM, 3 IDIOMAS: @pc.paschoalini ; 
- TWITTER: @PaschoaliniPc ;
- PENSADOR UOL: pensador.uol/Paulo_cesar_paschoalini ;
- RECANTODAS LETRAS: recantodasletras/Pirafraseando . 
____________________________________